A automação gera oportunidades ou acaba com os empregos?

A automação gera oportunidades ou acaba com os empregos

O mundo em que vivemos está cheio de desafios, muito em função do impulsionamento da tecnologia. Vemos exemplos de automação aplicadas a praticamente todos os setores da economia, seja na área da saúde, educação, agricultura, mobilidade, turismo, logística e por aí vai.

Existem inúmeros exemplos como veículos autônomos que são capazes de se guiar sozinhos ou softwares de automação de processos que utilizam algoritmos para serem mais eficientes. Temos também chatbots que são responsáveis pelo atendimento digital de clientes e podem ser encontrados em diversas empresas, tanto do varejo quanto do B2B. 

Alguns algoritmos são capazes de realizar o diagnóstico de um paciente e na logística, temos drones que já fazem entregas com mais agilidade e realizam inventário em centros de distribuição. No entanto, mesmo que essas tecnologias aumentem a produtividade, tragam mais segurança e melhorem nossas vidas, elas envolvem a substituição de algumas atividades de trabalho realizadas por pessoas – um movimento que sempre desperta muita preocupação e discussões acaloradas na sociedade.

Com isso, surgem as principais dúvidas:

  • Mas em relação aos trabalhadores dos empregos atuais? Eles serão beneficiados ou prejudicados com a automação?
  • Haverá empregos no futuro, visto que várias atividades estão sendo automatizadas?

Como será o futuro do trabalho?

São dúvidas pertinentes e justificáveis e a boa notícia é que, de acordo com um estudo feito pelo Fórum Econômico Mundial estima-se que até 2025, todas estas novas tecnologias criarão pelo menos 12 milhões de empregos a mais, se compararmos com a quantidade de posições de trabalho que serão extintas. A previsão é de que até 85 milhões de empregos sejam acabados, enquanto 97 milhões de novos empregos serão criados em 26 países até 2025, um sinal de que, no longo prazo, a automação poderá trazer um resultado positivo para a sociedade.

Neste mesmo estudo, ficou demonstrado que os empregos recém-criados exigirão novas habilidades ao passo em que se exige um investimento significativo na qualificação e requalificação de jovens e adultos. 

A Automação veio para ficar:

A Automação substitui diversas atividades repetitivas, que em sua maioria são inseguras e mal remuneradas.  Com a tecnologia avançando, a natureza do trabalho tende a ser mudada, permitindo que os trabalhadores se concentrem em tarefas de maior valor e de maior relação interpessoal, liberando tempo também para uma convivência de qualidade com as pessoas que ama e podendo investir em seu desenvolvimento intelectual. Esses empregos recém-aprimorados trarão benefícios para empresas e indivíduos que também terão mais tempo para serem criativos, estratégicos e empreendedores por escolha e não por subsistência, enquanto que as atividades que  são repetitivas, degradantes e perigosas, tendem a ser automatizadas.

Vale lembrar que nas décadas de 80 e 90 era essencial ter datilografia para conseguir um bom trabalho e que computadores tirariam o emprego de muitas pessoas. Hoje em dia, você abriria mão do seu computador para termos os empregos de datilografia de volta?

Ora, se haverá automação, muitos empregos serão perdidos. Isso é fato, mas devemos sempre lembrar que muitas novas oportunidades surgirão e, em muitos casos, empregos de melhor qualidade. Aliado ao aumento da produtividade, a redução de custos e a padronização de processos, as empresas tendem a crescerem, atingem novos mercados, se tornam mais competitivas, vendem mais e geram novas oportunidades de emprego. 

Esteja preparado para o futuro:

Conforme aponta o Forúm Econômico Mundial, em meados da década de 2030, à medida que a tecnologia avança e se torna mais autônoma, 30% dos empregos e 44% dos trabalhadores com baixos níveis de educação estarão em risco de automação. Nos próximos cinco anos, será exigido de metade de todos os trabalhadores uma qualificação ou requalificação para se preparar para mudanças e novos empregos.

Para superar estes desafios, é preciso um esforço dos colaboradores, empresas, instituições de ensino, entidades sem fins lucrativos e órgãos de governo para requalificar os profissionais e os preparar para as mudanças que estão por vir. 

Ao analisarmos os empregos em alta para o ano de 2022, publicado em um artigo escrito pelo LinkedIn Notícias, é possível observar que as principais oportunidades estão relacionadas a este novo cenário de automação. São oportunidades que exigem cada vez mais habilidades comportamentais e de tecnologia e menos competências para atividades operacionais, de alto risco e repetitivas. 

Embora algumas pessoas tenham uma visão negativa do futuro, a realidade é que o impacto social positivo da tecnologia ​​provavelmente superará suas consequências. Somente através do investimento em educação de alta qualidade e oportunidades de aprimoramento das pessoas, combinadas com iniciativas multissetoriais, podemos preparar a sociedade e a nós mesmos para esse futuro e abraçar os benefícios da tecnologia.

A Automação na Prática:

Em um dos webinários da Automni, promovido em 2020, Eduardo Banzato, diretor executivo do Grupo IMAM, relata o impacto da automação na Natura, empresa brasileira de cosméticos. Segundo o executivo, a empresa obteve um grande salto de crescimento e conseguiu atingir novos mercados com uma cultura forte de automação. Confira:

Em outro webinário promovido pela Automni em parceria com a DHL Supply Chain, especialistas de ambas as empresas compartilham a sua opinião à respeito da empregabilidade com o advento da automação. Confira:

Fontes:

https://hbr.org/2021/11/automation-doesnt-just-create-or-destroy-jobs-it-transforms-them

https://www.weforum.org/agenda/2020/10/dont-fear-ai-it-will-lead-to-long-term-job-growth/

Gostou do Artigo?

Dê o seu like  e compartilhe em suas redes sociais

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Sobre a Automni

A Automni é uma empresa brasileira de alta tecnologia que desenvolve robóticas e sistemas inteligentes para empresas. Nossa solução de AMR é capaz de integrar ao WMS e ERP, além de prover maior eficiência e segurança às operações logísticas. Toda tecnologia embarcada no AMR é desenvolvida pelos próprios Engenheiros de Software da companhia que dão suporte 24h/7 dias.

Nossa solução vem ajudando empresas a aumentar a produtividade das empilhadeiras em até 60%, provendo maior segurança e qualidade de vida dos colaboradores.

Quer entender como nossa solução vem ajudando empresas como a DHL, Danone e Nestlé a melhorarem a sua performance logística com nossa solução em AMR? Então solicite agora mesmo um bate-papo com nosso time de especialistas!

Diagnóstico 100% Grátis

Inicie sua jornada conosco solicitando um diagnóstico da sua operação.

Ebook 100% Grátis

Insira seus dados e acesse o Ebook - Autonomous Mobile Robots (AMRs): o que são e como estão revolucionando as operações logísticas.

Ebook 100% Grátis

Insira seus dados e acesse o Ebook - Autonomous Mobile Robots (AMRs): o que são e como estão revolucionando as operações logísticas.

Utilizamos cookies, para gerar informações, estatísticas de visitação, aperfeiçoar a experiência do usuário e
prestar os serviços online. Saiba mais sobre a forma como usamos os seus dados pessoais visitando nossa Política de Privacidade e os Termos de Uso.

Vamos conversar?